18 efeitos colaterais de viver em Moçambique

Galera,

Hoje pelas andanças do Facebook, encontrei um post muito engraçado sobre Moçambique e achei justo compartilhar por aqui… O tom humorado mostra muito pontos bem peculiares e reais que todo mundo encontra (e se diverte) dos tempos passados em território Moçambicano…

Sendo justo, o link original é daqui: http://www.folhademaputo.co.mz/pt/noticias/opiniao/18-efeitos-colaterais-de-viver-em-mocambique/

E que foi traduzido daqui: http://matadornetwork.com/life/18-side-effects-living-mozambique/

————x————x————x————x————x————x————x————

18 efeitos colaterais de viver em Moçambique

1. Usas piri-piri em tudo…

Porque não existem outras opções. E porque é muito bom.

2. …mas não consegues ver mais nenhum camarão.

São uma delicia, mas há um limite para comer tanto camarão. A menos, é claro…se vais come-los com piri-piri.

3. Rezas antes de embarcar num avião.

No caso de ele não chegar. Ou, de não levantar.

4. Tens que te ausentar do trabalho para ir ao banco.

Porque é preciso pelo menos um dia e meio para ficar na bicha.

5. Nunca mais vais apreciar uma boa praia.

Porque nada é melhor que o Bazaruto. Ou Quirimbas. Ou Inhassoro. Ou Barra.

6. Vives obcecado com Facebook, e-mail e as notícias durante a semana antes de um feriado.

Para saberes o dia da tolerância de ponto. Afinal de contas, já fizeste planos de viagem assumindo um dia…ou dois.

7. Estás condicionado a conduzir o carro sem o braço / cotovelo fora da janela.

Porque isso, é contra a lei.

8. Consultas a internet para saber se o teu restaurante preferido não está envolvido acidentalmente no comércio de chifres de rinoceronte.

A luta é real.

9. Começas a cantar, bater palmas e dançar numa conferência de trabalho e esperas que todos participem.

Só para criar o clima certo.

10. Achas que Laurentina é melhor do que Heineken…

Porque é. Maningue boa!

11. …mas suspeitas de cerveja tradicional.

Porque pode ter sido envenenado com bile de crocodilo.

12. Tens uma lata de coca-cola no banco trás do carro.

No caso de um policia mandar-te parar, sem nenhuma razão, e não te deixar seguir a menos que lhe dês “algo”.

13. Usas capulana para tudo.

Roupa, toalha de mesa, toalha de banho, cobertor de piquenique, cortinas, sacos, cesto de lavar roupa, fazer sombra no carro, para carregar o bebé, na cabeça, como pulseira, fronha, lençóis. As possibilidades são infinitas.

14. Entendes porque os guardas usam luvas e gorro a 20 graus centigrados.

Está um pouco de frio, não é?

15. Não é surpresa para ti que os funerais podem ser divertidos…

Possivelmente haverá bebida e dança para agradar os espíritos após a morte e assegurar uma transição suave para o falecido.

16. … e uma grande ocasião para conversar com conhecidos.

Porque todo mundo que conheces, e sua mãe, vai lá estar.

17. Não tens medo de abraçar a pessoa ao lado no machimbombo.

De modo a não caíres.

18. E sabes que no fim, aconteça o que acontecer, estamos juntos.

Estamos juntos!

 

Anúncios

Um comentário sobre “18 efeitos colaterais de viver em Moçambique

  1. Olá Thiago, Tudo bem? Ainda na África? Meu marido ficou pouco tempo, houve uma falha no processo de contratação. Foi uma pena, gostaria muito de ter conhecido vcs pessoalmente e em Moçambique. Se precisarem na África de uma pedagoga, que também é : psicopedagoga o gestora de Rh (Termino no final do ano o curso) ou socióloga (termino em 2018) sou eu mesmo…kkkkk ( fazendo muito curso que é pra ter campo a vontade…rs) Um grande abraço

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s